quarta-feira, 7 de outubro de 2009



Amizade criada em blogosfera,
vai gerando interrogações
que podem TE incomodar
e não quero isso


Talvez os bloguistas andem a correr por espaços sem fim
sem a devida atenção?
Nunca quis deixar de ser a Xanfrada simplesmente,
ser um outro alguém sem freio ou regras
sem travão de língua, ou de pessoa meio-pública.

Dedico-TE, Paulo, o sacrifício da Xanfrada,
já que se interrogam as visitas,
mas faço-o com um sorriso.
Sabes porquê?

Porque penso que o teclado é mais rápido que a mente
os olhos mais rápidos que a palavra
e o gesto impensado mais rápido do que o pensamento.

Aflige-me que se pense que há uma Susana de ouro
quando não o é.
A Susana é só carne, temporária e caduca.
Agarrada por estatísticas curtas do sarcoma sinovial,
sem ideias falsas de falsa esperança de longevidade.

Se isso acontecer, óptimo.
Será um caso raro.
A outra hipótese, a mais certa, poderá ser breve também.
Felizmente e infelizmente, como sempre.


[Para ti Paulo, que sabes ler a Vida com calma]






*****

13 comentários:

Brancamar disse...

Querida Susana, goatei imenso do que li. O Paulinho vai ficar sensibilizadíssimo.

Impressionante a tua lucidez e não me refiro à doença, a toda a lucidez, toda ela, todas as tuas considerações, mas apesar de tudo vamos andando por aqui e pr mais que sempre tenhas feito tudo para evitar que os outros sofram, apesar de tudo o que pensas da blogosfera e é verdade, ainda há alguns raros amigos que não estão naquele grupo dos que usam a palavra "amigo" com a facilidade de um clic. Apesar da distância do pensamento ao teclado ser muito curta, apesar de ser mais difícil ser-se verdadeiramente amigo por aqui, os que o são ficam marcados na pele e na alma, porque é essa tua lucidez impressionante de que me deste lições desde o princípio que me/nos prende a ti e isso não podes evitar.

Podes querer dar sempre o teu sorriso, mas nós estaremos sempre aqui contigo em toda a dimensão do que és.

E sim o Paulo sabe ler a vida com calma e é bom tê-lo como amigo.

Um beijo grande para os dois.

Brancamar disse...

Voltei porque o meu primeiro comentário foi ao ar, falhou a net e naquele que escrevi atràs esqueci-me de algo muito importante, que tinha falado antes, o teu estoicismo, calmo, generoso, sereno, no entanto nós queremos estar aqui e percebo porque queres poupar o Paulo, mas ele te dará a resposta que entender.

Por tudo isso continuamos amigos, todos, para sempre.
És uma miúda única! De ouro, sim, do mais puro.

Beijo enorme.
Tia Branca

. intemporal . paulo . disse...

e,

"

A Susana é só carne, temporária e caduca.

"

. quando o "só" já é muito, já é tanto, já é imenso, já é .

. porque é .

. porque és .

. sabes, quando me acenaram com o limite da vida, aquele que nos "rabiscos" que te dediquei pareciam ser, apenas ou tão somente, para nunca ,,, para nunca seriam .

. no entanto, poderiam ser para qualquer momento, com o tempo fui.me apercebendo ... .

. como pode ser para qualquer momento o agora e o sempre e o nunca em TI .

. aprendi várias coisas, re.aprendi, talvez, e duas delas ficaram para sempre no meu pensamento .

. a primeira diz que para vivermos não precisamos de tanta coisa, precisamos até de tão pouca e passamos uma vida inteira a querermos tanto que nunca será muito e muitas das vezes é um profundo nada .

. a segunda, e já o disse à Branca diversas vezes, foi a de aprender a sentir uma felicidade estupenda quando sinto um sorriso num rosto, como o teu, por exemplo .

. quantas vezes estou por aqui, a.dentrando.me no meu silêncio e reparo nesta tua foto de 1998 .

. é a ingenuidade saudável deste sorriso que te quero arrancar sempre, todos os dias, com unhas e dentes, porque este teu sorriso também diz que estás aqui, para o que for preciso .

. e é preciso seres quem és .

. de braços abertos . no olhar em frente .

. a Susana que não conheci e que agora conheço como se conhecesse há tanto tempo .

. porque eu morrerei e tu morrerás .

. e ambos permaneceremos vivos na memória de todos aqueles que nos forem lembrando, e só morreremos quando morrer a última pessoa que se lembrar que nós um dia também fomos isto: pó e luz, num mundo ausente .

. a saudade não é a do passado, é e será sempre a do futuro, do dia em que nos voltaremos a ver .

. não tenho já nem medo, nem receio, nem pena de deixar o mundo .

. levo comigo os sorrisos que fui conquistando, mesmo que à força, por vezes, e o teu, será sempre a reminiscência dos dias futuros, após dobrarmos a curva, para finalmente podermos seguir em frente .

. entretanto, não prescindo de ti .

. seria prescindir de mim .

. és parte integrante da minha terapia .

. deixo.TE um beijo abraçado .

. e saio . agradecido .

Brancamar disse...

Voltei, porque juntei duas pessoas únicas na minha vida, como vós, e tendo-vos já não é preciso muito mais...aprendo lições de vida e não posso dizer ao Paulo que chorei com a resposta dele, porque ele só quer sorrisos e oh p´ra mim já me estou a rir, mesmo, :)), senão amanhã levo uma tareia, hihi, mas isto meninos já é antigo, sou daquelas que chora nos filmes...:) e depois ri-se no fim por ter chorado, hihihi.

Susanita desculpa a brincadeira, mas vocês hoje estão muito pesados, é que eu também vou morrer, vamos todos e nada me garante que não seja já amanhã, por isso o Paulo tem razão, há o momento presente e esse é que conta e realmente precisamos de muito pouca coisa para o viver...

Beijinhos
Da tia Branca

P.S. Já tenho flores outra vez, amanhã posso experimentar? :))

f@ disse...

Olá Susana,

Acabei de vos ler aos 3...
ficar sem palavras é normal...

O sorriso de 98 é = ao de hoje... pode parecer estranho e até me chamem maluca mas acho que te conheço pessoalmente.
...
...

!nfinito beijinho

sideny disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
sideny disse...

Ola Susana

O Paulo e a Branca já disseram tudo.

Hoje damos valor a pequenas coisas que antes nos passavam ao lado.

Nunca deixes de ter esse sorriso de 98 .

beijinhos e tudo de bom.

. intemporal . paulo . disse...

. Susanita ,,, .

. :))) .

. não ligues à F@ ... ela vê muito mal e com o tempo que tem estado nos últimos dias anda com os ólicos muit.íssimo embaciaditos .

. a mim também me dizia que me conhecia pessoal.mente .

. e quando demos de caras um com o outro, pessoal.mente falando, olha, desatámos a correr a toda a velocidade em sentidos opostos .

. só que ... o mundo é redondo .

. e quando dobrámos a esquina e nos vimos outra vez, caímos ambos, no mais sublime desmaio .

. ainda hoje permanecemos assim .

. agora com a Branca vai ser diferente .

. depois venho cá dizer.TE .

. se conseguir baixar os cabelos, para conseguir entrar por esta porta re.baixada para que só entrem os melhores... dos piores...

. :))) .

. um beijo abraçado .

f@ disse...

Ai Susana o Paulo é louco... ai que riso...
ando sempre a querer saber de onde és porque acho mesmo que te conheço.... mas fica assim mesmo... perguntei ao Paulo se eras de Águeda... e disse o mesmo que acho que te conheço. sou tão teimosa.
mas o PAULO é um brincalhão... nunca sei se está a sério ou a brincar... e agora ainda me chama de pitósga... ... desculpa Susana

que fiques boa e que seja mesmo verdade mesmo eu te conhecer.. para te abraçar breve...

O Paulo é mto ciumento...

!nfinito beijinho

Brancamar disse...

Oh Fá, é tão simples saberes de onde é a Susana, ela não esconde, basta ires ao fundo desta página e não é assim tão longe de Águeda, mas é pouco provável que a conheças...hihihi.
Eu também tenho essa sensação ao olhar o sorriso dela, é porque parece um anjo na terra, embora tenha escrito uns textos "Intratáveis", que andam por aqui e que me fizeram dar voltas à cabeça, para encaixar o puzlle, hihi. Que pena vocês chegarem depois e não terem conhecido a Susana escritora, mas ainda estão a tempo, aliás agora até é poeta...
Beijinhos para a Susana e tudo de bom para amanhã.
Dorme bem, dorme com os anjos.
Tia Branca

. intemporal . paulo . disse...

. eu acho que a Susana mora mesmo em frente à santa terrinha .

. mora mesmo em frente à paisagem .

. :))) .

. bOM dIA Susana ! .

. dá-nos notícias tuas sempre que possas .

. um beijo abraçado . sempre e para sempre .

Brancamar disse...

Boa noite querida Sue, :)

Estou por aqui, velando o teu sono, sabendo e tendo fé de que hoje tudo resultou em benefício para ti, de que estás aí no teu sofázinho caseiro, descansando de mais uma pequena luta para saíres vencedora.

Fico com o teu sorriso e com a recordação de uma vozinha meiga, tão meiga quanto o sorrir, que ficou há muito gravada no meu espírito...
Tem um bom fim de semana.

Muitos beijinhos.
Tia Branca

. intemporal . paulo . disse...

. querida Sue , ,

. :)))))))))))))))))) .

. feliz pelo que leio da branca .

. uma boa noite .

. um fim de semana re.confortante .

. sempre , .

. paulo .