terça-feira, 17 de novembro de 2009

Passei por aqui...



...para dizer "olá".


Não tenho tido a pachorra com qualidade para escrever.


A boa alma da Sideny manda-me fotos, e cá vou usar mais uma, pois as minhas ...vocês sabem.


Experiências boas?


Ontem fui á segunda junta médica do pedido de pensão de invalidez, que dura cinco anos. Como vivo num 1ºandar e os meus pais não podem comigo ao colo (o prédio termina no 1ºandar não tem elevador) pedimos uma ambulância. Fiquei contente com o sistema português, devo dizer. Serei reembolsada após entregar a factura/recibo na loja do cidadão(é que a SS mudou-se para lá). Bem, continuando. Lá vem a ambulância, lá me carregam escadas abaixo depois de eu ter arrancado um "boa tarde" a um nervoso condutor que nunca largava o raio do telemóvel. Escolheu o pior caminho em termos de conforto para a minha coluna irradiada! Era só saltos e buracos e nada de desviar. Reparei então que quem me segurava em peso na cadeirinha de descer as escadas era o outro. Aaaaaaaaaai...mas já lá estava dentro. Depois de me sentir dentro de uma trituradora lá chegámos á porta do edifício.


É então que para me descrem da ambulância para o chão e daí para a cadeira de rodas aconteceu o impensável. O senhor condutor novamente ao telefone usa uma mão para segurar no apoio de pés, e era suposto o outro senhor agarrar no apoio de costas, certo? Errado. Toca a levantar-me os pés e nada de segurar atrás. Resultado? Um grande espalhanço da doente que fica deitada no chão da ambulância, com os pés para cima. Só me lembro de cruzar as mãos ao peito e depois agarrar a cabeça. Senti uma pancadona em metade do corpo. Andávamos todos com extremo cuidado para evitar quedas, saltos desnecessários, seguindo as instruções dos médicos da radioterapia e acontece isto.


É ridículo que estas pessoas façam parte de uma empresa de transporte de doentes. Foram avisados que tinha problemas de coluna, e acontece uma queda destas.


Contar-vos-ei o que se passa conforme o tempo passar.


O palerma do telefone pede-me desculpa e pergunta se estou bem ao que respondi:


"Que remédio, estou bem por agora. Depois a TAC o dirá". Por coincidência amanhã tenho revisão, da qual faz parte uma TAC, e ainda bem. Vamos ver se estragou ou pôs no sítio.


Cheguei á junta médica completamente abananada. Lá respondi ás perguntas que foram poucas. Foram simpáticos. Depois saberei se "passei" ou "chumbei".


Voltei para casa. Fui levada para o 1ºandar, mas um dos transportadores era outro. O serviço está pago, faltam os papéis que aguardo ansiosamente para guardar com todo o carinho.


Amanhã será a Cruz Vermelha destes lados a fazer o transporte, já com a papelada do Centro de Saúde (o meu pai tem jeito para melga). Espero, pelo que tenho visto, que seja mais seguro. Acredito que sim.


Tenho pavor de pensar nas pessoas que contratam os serviços da outra empresa de transporte de doentes. Para já fica assim. Espero as nódoas negras.




Depois desta novidade vocês não podem dizer que não me acontecem coisas giras, hein? Bolas.


Ah, hoje tive um presente: um andarilho azul (não havia vermelho :)) ). Já dei uma voltinha, mas tenho de dar mais. Noto falta de força nos braços e nas pernas. É mais um objecto que me ajuda e me recorda que estou meia. Falta-me parte de mim.


E já agora muito obrigada pelos mimos que vão deixando, mesmo sabendo-me ausente.


Outro dia conto mais coisas, tenho de arrumar a casa, eh eh.




Beijinhos e abraços a gosto.





*****

15 comentários:

Brancamar disse...

Querida Susana,

Só tu para me fazeres rir no meio desta confusão toda, não pela peripécia da queda, que não tem graça nenhuma, mas por quereres arrumar a casa.

Valha-nos ao menos o teu bom-humor e as fotos da Sideny, que são sempre lindas!

Felizmente já há alguns serviços de saúde que funcionam lindamente, mas depois temos estas peripécias caricatas de uma total falta de responsabilidade de algumas entidades.

Tenho muito boa impressão da Cruz Vermelha e acho que ficarás muito bem com eles.

Espero que amanhã esteja tudo como esperas e nos apareças inteira e com forças renovadas.

Um beijinho enorme, com muito carinho.
Tia Branca

Brancamar disse...

Voltei, desculpa as repetições no texto, até tenho vergonha de dizer que estou cansadita e já não vejo o que escrevo...e é que nem arrumei a casa, hihihi!

Beijinhos.

Tia Branca (aquela que tem que voltar sempre duas vezes), hihihi.
Conheço uma pessoa que diria: "És uma xata!". :))

Mrs. Sea disse...

Só tu para me fazeres rir! :) O que é preciso é ter força de viver e essa tu tens, porque se não a tivesses com certeza esse episódio seria mais um motivo para te martirizares pelo azar!

Bjins

sideny disse...

Olá

O andarilho é bom, sempre ajuda.

Quanto ao transporte feito por esses parvos é que foi pior, mas tudo vai correr bem.

Força e toda a garra para continuar

Vais conseguir.
:)

beijinhos

. intemporal . disse...

. :))) .


. força Susana .


. o teu "bom humor" é sempre uma parte integrante de tua terapia .


. estou sempre por aqui para saber notícias tuas .


. um beijo, meu, amigo, mesmo .




. paulo .

manuela baptista disse...

Susana

Cheguei!

Trouxe o aspirador, o pano do pó e o limpa vidros.
Quanto à esfregona, usamos a sua porque dança melhor.

No bolso tenho um chocolate, espero que goste, porque arrumar a casa sempre foi e será muito chato, então a cada 15 minutos comemos um quadradinho.

Também encontrei aquela parte de si que lhe faltava, quer dizer, penso que é sua.
É leve, redonda e doce, talvez seja um sonho.

Um beijinho

Manuela Baptista

Brancamar disse...

Para a miúda mais forte do Universo, o maior dos abraços e beijos mil.
Com muita ternura.

Tia Branca

. intemporal . disse...

. u___m . b___e___i___j___o,,,, .

. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .
. muito . muito . muito . muito .

. .g.r.a.n.d.e. . :))) .





. paulo .

sideny disse...

Venho deixar.te um beijinho

E desejar.te um bom domingo, e as tuas melhoras.

Brancamar disse...

Minha querida,

Sei que não virás já por aqui, mas estou deste lado, estamos sempre em tua companhia, sempre contigo no pensamento e nas nossas orações.
Beijos de muita ternura.
Tia Branca

manuela baptista disse...

Susana

não tenho a ternura da sua tia Branca

a grandiosidade amorosa do Paulo

nem tão pouco as flores da Sideny

mas quero

aqui neste final de domingo

desejar-lhe as melhoras
no que também isso significa de grande luta para si

um abraço

Manuela Baptista

Brancamar disse...

:)))))))))))))))))
:)))))))))))))))))
:)))))))))))))))))
:)))))))))))))))))

xi-coraçãoooooooooo, apertadinhooooooooo!

Beijinhos repenicados.

Tia Branca

sideny disse...

Ola Susana

Passei para te deixar um beijinho

E saber como vai.

beijinhos e tudo de bom.

. intemporal . disse...

. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .
. outro . outro . outro . outro .

. beijo sempre amigo ,,, susana .

. amplas melhoras . xim,,, .

. sempre e para sempre,,, .




. paulo .

Xekim disse...

Olá amiga

Desejo a si e família FELIZ NATAL e PRÓSPERO ANO NOVO com muita saúde

Beijinhos